A deficiência física motora é um problema que acomete muitos indivíduos. Trata-se de uma situação em que muitos desafios precisam ser superados, mas isso não significa que essas pessoas não possam levar uma vida feliz, saudável e com acessibilidade.

Neste post, vamos esclarecer as principais dúvidas que as pessoas têm sobre a deficiência física motora, para que você compreenda mais sobre o assunto e veja como lidar com essa situação da melhor maneira possível. Acompanhe!

O que é deficiência física motora?

Pode ser considerada uma deficiência física motora todas as condições que façam com que as pessoas tenham dificuldades ou estejam impossibilitadas de realizar algum movimento específico.

As alterações que caracterizam uma deficiência física motora podem ser causadas na estrutura óssea, nos grupos musculares, entre outras partes do corpo.

Quais são os tipos existentes?

Existem diversos tipos de deficiência física motora. Os principais deles são os relacionados a seguir. Veja!

Paraplegia

A paraplegia é uma lesão medular. Ela caracteriza uma lesão na coluna lombar ou vertebral. Assim, os movimentos se tornam limitados, o que exige o uso de equipamentos especiais, como uma cadeira de rodas.

Cadeira de Rodas Alumínio AVD Ortobras

Tetraplegia

A tetraplegia ocorre quando as quatro extremidades do corpo ficam imóveis. Quem tem essa condição também pode desenvolver distúrbios respiratórios, que ocasionam leves demências.

Amputação

A amputação acontece quando uma pessoa necessita, por conta de doenças ou acidentes, remover um ou mais de seus membros superiores ou inferiores.

Hemiplegia

Chamamos de hemiplegia a paralisia da metade sagital, esquerda ou direita, do corpo humano. A condição se desenvolve, principalmente, quando alguém sofre um acidente vascular cerebral (AVC), que paralisa um dos lados do cérebro.

Monoplegia

A monoplegia é uma doença em que ocorre a paralisia de apenas um membro superior ou inferior, ou seja, um único braço ou uma única perna. Isso geralmente acontece por conta de lesões no sistema nervoso.

Quais são as principais causas da deficiência física motora?

As causas que ocasionam uma deficiência física motora são diversas. Porém, a maioria dos casos estão relacionados à genética, aos acidentes e às doenças. Veja!

Genética

As condições genéticas são aquelas em que as pessoas já nascem com um gene que pode desencadear algum tipo de deficiência. É o caso de quem tem esclerose múltipla, por exemplo.

Acidentes

Os acidentes são as causas mais comuns da deficiência física motora. Ao sofrerem fortes impactos em acidentes de trânsito, por exemplo, as pessoas podem ter a coluna ou os membros prejudicados.

Apesar de ser possível recuperar movimentos por meio da fisioterapia e outras técnicas, muitos quadros de deficiência física motora são irreversíveis.

Doenças

Existem doenças que geram a deficiência motora. A paralisia cerebral, a distrofia muscular, a esclerose múltipla, a espinha bífida, a artrite, o mal de Parkinson, entre outras patologias também podem gerar essas condições.

Se você leu o nosso post até aqui, já sabe mais sobre a deficiência física motora e os desafios que são enfrentados pelas pessoas que têm os movimentos limitados. Alguns itens, como as barras de apoio, são importantes para dar mais acessibilidade e qualidade de vida para esses indivíduos.

Conheça mais sobre o assunto em nosso post de perguntas e respostas sobre barra para pessoas com deficiência.