Saúde

Dor na coluna? Descubra 4 dicas que irão te ajudar neste problema

Dor na coluna? Descubra 4 dicas que irão te ajudar neste problema
Escrito por equipe Ortoponto

A coluna é responsável por manter a sustentação do nosso corpo e garantir que possamos fazer todos os movimentos de pernas e braços da forma correta. Conhecendo algumas dicas para dores na coluna é possível aumentar a sensação de bem-estar e trazer mais qualidade para a sua rotina.

Dores recorrentes podem significar uma perda considerável na qualidade de vida e podem contribuir para o aumento do estresse e até mesmo de problemas mais graves, por isso é essencial cuidar dessa região diariamente!

​Quer saber como diminuir a dor na coluna e evitar que esse desconforto continue atrapalhando seus dias? Então confira algumas dicas!

1. Fique atento em relação à sua postura

Uma postura incorreta é uma das principais causas para as dores na região da coluna, da lombar e da nuca. A postura é muito influenciada pela forma como nos sentamos ao longo do dia e pela maneira com a qual distribuímos o peso do corpo.

Quando estiver sentado em uma cadeira, tente sempre ficar com a coluna ereta, mas de maneira que seja possível manter a posição por um longo período de tempo. Prestar mais atenção à forma como se senta pode representar uma melhora enorme a longo prazo e sua coluna vai sentir essa adaptação.

No carro, preocupe-se em deixar o banco em um ângulo mais reto para que sua lombar não fique muito inclinada. Aproxime a cadeira da mesa quando estiver trabalhando e preocupe-se em manter os ombros mais afastados das orelhas e na mesma linha do peito.

2. Faça exercícios físicos

Exercícios físicos estão entre as mais eficientes dicas para dor na coluna. Além de ajudar a corrigir a postura, atividades físicas fortalecem os músculos do corpo, incluindo os que envolvem a coluna e promovem a consciência corporal.

​Conhecendo o seu próprio corpo é mais fácil ficar atento ao seu funcionamento, suas limitações e suas capacidades. Exercícios como a ioga são extremamente funcionais nesse sentido, pois fortalecem o corpo e fazem uso de alongamentos com foco na postura e no alinhamento correto.

​Até mesmo a musculação na academia pode ajudar a prevenir dores na coluna, já que ajuda a desenvolver os músculos do corpo, dando uma melhor base de sustentação.

3. Treine o relaxamento diário

Já se sabe que o estresse é um grande vilão para a saúde do corpo, mas ele também pode ser responsável pelas suas dores na coluna. Isso porque o estresse faz com que, involuntariamente, tensionemos o corpo todo. Com o passar do tempo essa tensão pode causar inflamações nos músculos, postura incorreta e dores nas articulações.

Para ajudar a minimizar esses efeitos é preciso treinar a atenção ao relaxamento do corpo. Quando estiver sentado, por exemplo, veja se os seus ombros estão muito erguidos e tente relaxá-los. O mesmo pode ser feito com a nuca. 

Praticando a atenção e a auto-observação é possível corrigir a coluna, relaxar o corpo e diminuir dores que antes pareciam inevitáveis. Esse é um exercício diário que ajuda não apenas a longo prazo, mas minimiza os efeitos de imediato.

4. Faça alongamentos constantes

Não é preciso esperar a hora de se exercitar para alongar o corpo. Existem diversos alongamentos que podem ser feitos ao longo do dia e em qualquer lugar, incluindo no trabalho, no carro, durante atividades cotidianas e até mesmo em filas.

De pé, posicione as mãos na lombar e incline o quadril para a frente sem movimentar as pernas. Repita o movimento durante alguns minutos sempre que surgir a oportunidade. Essa é uma ótima forma de relaxar a lombar e alongar a coluna sem muito esforço.

Quando puder se deitar, abrace os joelhos e traga-os em direção ao peito o máximo que conseguir, com o cuidado de não tirar a lombar do chão. Mantenha essa posição por alguns minutos e desfrute do alívio que ela traz quando é desfeita.

Ao aplicar estas dicas para dores na coluna no seu dia a dia você vai manter a saúde do corpo, aliviar o estresse e prevenir desconfortos que podem ser responsáveis por uma perda considerável da qualidade de vida.

Gostou do post? Então agora entenda por que é melhor dormir em um travesseiro magnético!

Sobre o autor

equipe Ortoponto

Escrevemos sobre saúde, dicas de alimentação, de treino, exercícios físicos e vários outros assuntos e ideias que você pode adotar para levar uma vida mais leve e saudável. Leia nossos posts :)

Deixar comentário.

Share This