Cuidar de pessoas acamadas requer atenção! Além do tratamento ou das condições do paciente, também é importante saber como prevenir escaras, já que essa é uma informação relevante nestes casos. 

As escaras são lesões que aparecem no corpo de quem passa muitas horas numa mesma posição. E vale destacar: é uma consequência bastante comum quando a pessoa não recebe os cuidados e as devidas orientações para que o problema não ocorra.

Então, se você tem intenção de ajudar alguém que esteja debilitado, leia este post. Nele, você vai conhecer 5 dicas para combater o aparecimento de escaras em quem está limitado a leitos, cadeiras de rodas e afins.

O que são escaras?

Escaras são lesões que surgem no corpo de pessoas que permanecem na mesma posição por um período longo de tempo, como em pacientes que ficam por muitos dias internados em hospitais ou em pessoas que utilizam cadeira de rodas, por exemplo. Na medicina, as feridas também são conhecidas como escaras de decúbito ou úlceras de pressão. Elas são classificadas conforme a gravidade:

  • grau 1 — eritema ou hiperemia: lesão ocasiona vermelhidão na pele;

  • grau 2 — isquemia: formação de bolhas na área lesionada;

  • grau 3 — necrose: o tecido subcutâneo e muscular são atingidos;

  • grau 4 — ulceração: necrose de músculos, tendões e aparecimento dos ossos e articulações.

O que causa o aparecimento de escaras?

Essas feridas são ocasionadas pela irrigação de sangue insuficiente em uma determinada região do corpo, assim como pela falta de nutrientes e de oxigenação. Isso acontece por causa da pressão sobre a pele por longos períodos na mesma posição em camas, cadeiras de rodas, imobilizações com gesso e até em próteses mal colocadas.

Elas aparecem nas áreas que sofrem maior pressão e que ficam sobre superfícies rígidas — o que dificulta a circulação sanguínea —, como sobre os ossos do quadril ou calcanhares. Tração, fricção e umidade também são fatores que influenciam para que as escaras surjam, assim como a nutrição inadequada do paciente e a falta de hidratação.

Como prevenir escaras?

A escara é um problema que interfere diretamente na qualidade de vida da pessoa que é acometida por ela, que passa a ter dificuldades para lidar com o próprio corpo, além de ficar mais debilitado do que na sua condição inicial e sentir muito desconforto. O trabalho de enfermeiros e cuidadores deve ter atenção reforçada para evitar essas dores e incômodos nas pessoas que apresentam as lesões. Veja algumas dicas de como prevenir escaras.

1. Estimular a movimentação 

É essencial movimentar o paciente, respeitando as limitações físicas que ele apresenta. Sessões de fisioterapia e massagens são bastante eficazes para estimular a circulação sanguínea e aliviar pressão na pele.

Colchão pneumático para escaras

2. Manter o corpo limpo e hidratado

A higiene é aliada à prevenção de escaras. Para que o problema seja evitado, é muito importante manter o corpo limpo, assim como as feridas e os curativos. Secar bem a pele após o banho e usar hidratantes também são boas práticas.

3. Alimentar conforme orientação

Geralmente, é indicado que pacientes recebam orientações nutricionais para fazer as refeições. Seguir as recomendações de profissionais  — como nutricionistas — para se alimentar e manter o corpo hidratado são princípios básicos que colaboram para que este tipo de lesão não apareça.

4. Trocar roupas com frequência

Outra dica é manter tanto as roupas do paciente quanto as de cama sempre limpas e que sejam trocadas com frequência. Procure sempre esticar o lençol para evitar dobras e atritos na pele. Tecidos de algodão são os mais indicados, até mesmo para roupas íntimas. 

5. Utilizar produtos adequados

Escolher um bom colchão, assim como utilizar almofadas apropriadas são soluções que fazem a diferença para manter o conforto do paciente e conter as escaras. No caso das almofadas, o modelo com células de ar suaviza a pressão, melhora a circulação e é anatomicamente adaptável.

Como vimos, é importante observarmos alguns cuidados para que pacientes acamados não desenvolvam o problema. Seguindo essas orientações, as lesões podem tanto serem curadas como, até mesmo, evitadas.

Gostou das dicas que apresentamos aqui sobre como prevenir escaras? Então, aproveite para conhecer mais sobre os modelos de almofadas com células de ar. Certamente, um deles vai atender às necessidades de quem precisa de cuidados!