Em um dia está tudo bem e no outro uma terrível dor no pescoço surge querendo ser sua companheira. Essa é uma situação bastante comum e costuma ser temporária. No entanto, isso não significa que a dor não seja incômoda. Assim, saber como melhorar o torcicolo é tão importante quanto conhecer as formas de evitá-lo.

Sabendo da relevância do tema, preparamos este post com diversas informações sobre o assunto. Continue a leitura!

O que é o torcicolo?

É uma torção muscular que causa dor e dificulta a movimentação da cabeça devido à rigidez muscular excessiva. Em outras palavras, é uma contratura, como se fosse um “mau jeito” na região lateral do pescoço, próximo à jugular. Essa contração da musculatura é involuntária, ou seja, é uma reação automática do corpo que tem diferentes motivos entre as causas.

Posição inadequada ao dormir e movimentos súbitos são as mais conhecidas. É comum, por exemplo, que a dor apareça após tensões musculares, que podem ser causadas por movimentos bruscos ou sobrecarga física e até mesmo emocional.

Esses foram exemplos dos chamados torcicolos espasmódicos. Há também aqueles conhecidos como torcicolos congênitos. Nesses casos, a pessoa pode nascer com a torção ou desenvolvê-la como consequência de doenças como reumatismo, AVC ou problemas nos músculos extraoculares.

Como aliviar?

O primeiro passo é ter paciência e entender que a dor leva alguns dias para desaparecer, geralmente entre dois e quatro. Manter a calma é essencial para evitar níveis elevados de estresse, pois os hormônios liberados (cortisol e adrenocorticotrópico) aumentam a percepção da dor.

Massageie a região

A massagem ajuda a relaxar os tendões e músculos, fazendo com que a dor diminua. Deve ser feita nos ombros em direção às orelhas. Um creme hidratante ou óleo pode ser utilizado para facilitar os movimentos, que devem ser leves.

Fique em repouso

Aqui, o ideal é encontrar uma posição confortável. Se a sua dor alivia quando está deitada de barriga para cima, por exemplo, tente fazer pausas nessa posição ao longo do dia. Além disso, é recomendado evitar movimentos a fim de “poupar” a região afetada.

Faça compressas com água quente

Usar bolsa de água quente ajuda a tratar a dor porque proporciona relaxamento muscular. Outra estratégia interessante é deixar cair bastante água quente na hora do banho.

É possível evitar?

Felizmente, sim. Basta adotar algumas medidas simples no dia a dia, que vão do alongamento ao cuidado com a postura.

Cuide do seu sono

Dormir bem é essencial não apenas para evitar um torcicolo, mas para a saúde de modo geral. Assim, evite dormir de barriga para baixo ou utilizar travesseiros que forcem o pescoço. O modelo ideal é sempre aquele que permite que a cabeça fique alinhada à coluna vertebral.

Corrija a sua postura

Uma postura inadequada força os músculos e ligamentos que sustentam o pescoço. Essa condição, com o passar do tempo, pode gerar uma lesão.

Corretor Postural Hidrolight em Tecido Confortável

Caso você ande com a cabeça e ombros inclinados para a frente, é um bom indicativo de que sua postura deve ser melhorada. Para além disso, é importante cuidar do peso carregado.

É comum que as bolsas, mochilas e sacolas sejam carregadas apenas de um lado. No entanto, isso gera um desnível nos ombros, causando dor. O ideal, nesse caso, é dividir o peso e carregar apenas o necessário.

Como vimos, alguns cuidados contribuem para impedir que o problema ocorra. Além dos já mencionados, evitar assistir televisão deitado e deixar de lado o costume de segurar o celular apenas com o ombro também são formas importantes de prevenção. Agora que você já sabe como melhorar o torcicolo e também como prevenir sua ocorrência, é só colocar em prática e evitar todo o desconforto e limitação que esse problema representa.

Gostou das nossas dicas? Então acompanhe as nossas atualizações nas redes sociais, sempre publicamos assuntos como este! Estamos no FacebookInstagramTwitterLinkedin.