Estamos passando por um dos momentos mais tensos da história: a pandemia do novo Coronavírus. Nesse contexto, ficar em casa e aderir ao isolamento social é a melhor forma de frear o avanço da contaminação e garantir a segurança da sua família. Para manter a saúde física e mental em dia, é fundamental que você fuja do sedentarismo e crie uma rotina de atividade física durante a pandemia.

Neste post, explicamos um pouco mais sobre os riscos de não seguir as orientações da OMS e como você pode tornar seu treino em casa mais seguro. Quer saber mais? Continue a leitura.

Quais são os riscos de fazer atividade física em casa?

Treinar em espaços limitados e sem o acompanhamento de um profissional de Educação Física pode ter alguns riscos. É fundamental que o exercício seja feito com cautela e sempre dentro das limitações de cada indivíduo.

Treinos muito intensos e de longa duração, por exemplo, podem piorar a sua imunidade, o que é bastante arriscado durante uma pandemia. Além disso, se você escolher fazer exercícios que nunca fez antes, corre o risco de realizar movimentos errados, o que pode resultar em problemas posturais, dores e distensões musculares.

Outro ponto importante é o fato de que estamos em uma pandemia. Por isso, exercícios ao ar livre devem ser feitos com cautela. Estudos mostram que o vírus sobrevive em superfícies durante algum tempo. Assim, é preciso higienizar as mãos sempre que tocar em algo. Além disso, mantenha-se a pelo menos 2 metros de distância de outras pessoas, use máscaras e evite colocar a mão no rosto durante a prática de exercícios.

Como treinar de forma segura?

É possível realizar seus exercícios com consciência e evitar esses tipos de problema. O mais indicado é fazer as atividades em lugares privativos, e não em espaços públicos. O ideal é que, antes de iniciar, você verifique se o local escolhido tem espaço suficiente e é bem arejado. Se for preciso, arraste móveis e objetos para não correr o risco de tropeçar.

É importante, também, que você se prepare como se estivesse indo para a academia. Ou seja, escolha roupas leves e confortáveis, hidrate-se bem, faça refeições saudáveis e lembre-se de aquecer antes de iniciar o treino.

Na hora da escolha dos exercícios, opte por atividades que você já tenha familiaridade e que já façam parte do seu treino. Se preciso, converse com um personal por vídeo para elaborar uma estratégia correta de exercícios e verificar se os movimentos estão sendo feitos de forma adequada.

Realizar atividades físicas 5 vezes por semana, por cerca de 30 minutos por dia, é o suficiente para se manter ativo e melhorar sua saúde física e mental.

Produtos esportivos

Quais exercícios realizar?

Existem diversas atividades que podem ser feitas em casa para evitar o sedentarismo. É importante que você opte pelos exercícios que gosta mais. A seguir, listamos algumas possibilidades:

  • pular corda;
  • alongamentos;
  • agachamentos;
  • dança;
  • polichinelos;
  • abdominais;
  • yoga;
  • subida de escadas.

Manter-se em movimento e fazer atividade física durante a pandemia é fundamental para ter uma boa saúde física e mental e lidar melhor com esse momento de incertezas. É importante, no entanto, que você realize adaptações no ambiente domiciliar para evitar acidentes e garantir um espaço mais confortável para os exercícios.

Quer adquirir acessórios e produtos fitness que ajudam a praticar atividade física durante a pandemia? Na Ortoponto, você garante os melhores itens. Conheça nossa loja virtual!